12.12.10

Leia com Atenção!


Desculpa era para me render aos seus pés?Ultimamente ando gostando mais desse meu tempo só, sei lá, o seu papo não anda me apetecendo como antes, será que voltei a ser aquela menina fria?

Sabe o que é garoto, tudo que faço é complicado de você aceita, qual é o problema em sentar comigo naquela rede do meu quarto? Qual é o grilo em se olhar nos olhos um do outro?

Tudo isso é medo de algo mais sério rolar entre a gente? Por favor, um passo de cada vez, não consigo viver o hoje já querendo garantir o meu amanhã, dizem o sábios que vive melhor aquele que curti um dia por vez... Tenta colocar isso em prática!

Porque mesmo você encaixando nessa coisa que chamo de quarto, detesto ter que medir meus atos e minhas palavras, já tornou repetitivo, mas deve lhe ressaltar : “ o que tenho por você é: odeio, as vezes minha vontade é de lhe esmurrar, em outras, ah se sabe...”.

 Pouco me importa teu passado, aliás, eu sei viver bem com ele, tenho o meu, minhas lágrimas enroscadas, meus machucados mal curados e algum resquício de amor não correspondido, oras isso é tão normal, pois é graças a esse passado que estou aqui deitada na sua cama!

Já cansei de dizer que as respostas para suas dores estão dentro dos meus olhos, já cansei de falar onde for meus pés seguiram o seu passos, estou farta de declarar que mesmo sendo complicado, ainda mora dentro de mim dentro dos meus sonhos...


Porque cada minuto você muda
E diz coisas de quem não se importa
Então eu digo que estou de saco cheio de você
Tiro meu coração de você
E daí você vem atrás de mim e, amor, eu estou de volta com você. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...