15.11.10

“morada dos meus sonhos...”



— tenho que parar de arrumar desculpas, não consigo deixar você, por motivos que fico aqui negando pro meu coração! Poxa tenta me entender também ou será que só vale o seu querer?

Dessa vez vou falar tudo que está aqui em meu peito, independente de ser ou não do seu agrado. Pouco me importa as dores que as outras deixaram em você, estou me lixando se elas eram mais espertas que a mocinha que vos fala.

E daí que mal sei fritar um ovo, e daí que dormi na metade dos filmes mais importantes do cinema? E daí que tenho um péssimo habito de ser o que sou! Eu digo o péssimo, pois sei que às vezes nem eu sei lidar com essas minhas mutações...

E daí que sou desajeitada, qual é o problema de sei lá derrubar suco nas pessoas, qual é o grilo de nunca estar prestando atenção nas coisas. Mesmo tu sabendo que quando o assunto é você eu tenho todo o tempo do mundo?

Mas tai querido me propus a gostar de cinema (mesmo tendo pavor), fiz questão de fazer um bolo, até comecei a reler obras consagradas. E pelo visto de nada adiantou, então o que digo: — você é meu avesso, meu lado direito, meu lado esquerdo, o cara mais chato que já encontrei em minha vida...

O melhor beijo, a melhor transa... O cara mais grosso que passou perto de mim, melhor companheiro para se beber em dias chatos! Primeiro que gostou das minhas marcas pelo corpo...

Único que me olhou dentro dos olhos e aceitou de boa o que carregava neles, então não tem como sair assim...

“e na verdade minha batida só se encaixa com a sua...” 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...