30.8.10

muito além do que esperava

Como assim? É o que me pergunto depois de ter atravessado a sua porta, ainda é estranho acorda ao seu lado, fazemos coisas de casais, que me desculpa ainda me assustam... Não pelo fato de não gostar de dividir meu pão com você, é que rola ainda aquela insegurança de menina mimada, sabe!

Mas confesso que é excitante fazer tudo isso contigo, ler o jornal, assistir aqueles filmes longos que nenhum dos dois tem paciência, mas que acaba fazendo só para animar a sexta-feira, aqueles passeios na praça ao entardece é tudo tão filme anos cinqüenta que derrepente me assusta.

Aquele lance de dividir o sorvete, o jeito como você me envolve nos seus braços, de como me torna parte sua, das canções que viram nossa trilha sonora. Gosto de ser essa peça chave na sua vida.

Às vezes fico matutando enquanto você dorme: — esse era o seu plano né, me prender aqui e me deixar dependente desse seu amor...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...