9.6.11

Uma ternura em dizer, em ter.



Dizem os poetas que é necessário ousadia para se querer o querer de alguém , e vão mais além nos conselhos, é preciso ter coragem em ser de alguém em viver por aí esbanjando a delicia que é ser só de um, a beleza de ter só um em teus lençóis!
Dizem que é tão bom ser de alguém, que acabo acreditando, meu espelho fez as passes comigo, então pergunto se roupa esta adequada para a ocasião, ele diz que sim, que faz bem às vezes ter uma delicadeza ao me vestir, hoje não vou brigar!
Ele me berrando na sala, abro a porta e apenas trocamos olhares, sem querer parafrasear, mas já fazendo isso: "Traziam não sei que fluido misterioso e enérgico, uma força que arrastava para dentro” ah os olhares!
“seja eu , deixa que eu seja eu, e aceita o que seja seu, então deita e aceita eu, molha eu , seca eu, deixa que eu seja o céu, e receba o que seja seu, anoitece e amanheça eu , beija eu , beija eu beija me beija, deixa o que seja seu, então beba e receba meu corpo no seu ....” 

Um comentário:

  1. Anônimo9.6.11

    Traaaay!fã do seu blog friend *-* good work! (@kaaborgess)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...